Ambientes neutros são uma tendência que vem ganhando espaço nos projetos de arquitetura, que apostam em novos produtos para diversificar o ambiente.

O cimento queimado é um bom exemplo disso: além de ser prático, resistente e flexível, esse material apresenta baixo custo, caindo não só no gosto de profissionais do ramo, mas também dos clientes.

Ele é um produto que tem como base a argamassa, que é feita de cimento, água e areia. O procedimento consiste em alisar o cimento sobre a argamassa até que fique completamente uniforme. E pela sua forma de produção, esse é um material que apresenta elevada aplicabilidade.

Apesar de ser cinza inicialmente, o cimento queimado pode apresentar vários tons. Os mais comuns vão do camurça até o concreto.

O material que compõe esse produto absorve menos calor, resultando em um ambiente mais fresco. Além de ser ecologicamente correto.

Ele exige mão de obra especializada para sua produção e aplicação. É necessário que o profissional conheça algumas técnicas para incluir esse material no seu projeto.

O cimento queimado também garante um visual estético, já que traz um ar mais rústico. É versátil e de fácil combinação, pode ser usado em  ambientes corporativos, residenciais, banheiros e cozinhas, exemplificados nas fotos dos nossos projetos.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *